Madalena

Entre o verde de uma natureza pródiga e o azul do Atlântico, a Madalena é um concelho dinâmico e o mais populoso da Ilha do Pico, elevando-se do mar em beleza petrificada, merecendo a distinção de uma das Sete Maravilhas de Portugal.


A Madalena, pela sua posição geográfica frente ao Faial e à cidade da Horta, distando desta cerca de 7,5 Km, é o eixo principal das comunicações da ilha, posição que a torna uma privilegiada porta de entrada para apreciar tudo o que se oferece a quem nos visita.
Verdadeiros “ex-libris”, fronteiros à vila, estão os curiosos ilhéus Deitado e em Pé, onde nidificam aves marinhas. Estes apresentam-se fortemente degradados pela acção erosiva marinha, constituindo os resquícios de um cone vulcânico associado a erupções submarinas.


Dadas as suas características geológicas e a natureza vulcânica dos seus solos, a economia deste concelho assenta essencialmente na agricultura, na pecuária e na pesca. No entanto, perante os novos desafios impostos pela sociedade moderna, outras actividades se desenvolveram, contribuindo fortemente para a economia do concelho da Madalena, designadamente nas áreas do comércio, turismo e serviços.


A base da sua agricultura é composta por campos de frutos e de vinhas, sem paralelo noutras regiões do país e do mundo. O conjunto de “currais” e “canadas” em que são divididos os terrenos de cultivo da vinha é uma organização no espaço feita através de um retículo de muros negros, integrando protecções paralelas de paredes singelas ou dobradas em pedra, e constituindo particular e peculiar paisagem, considerada, em meados de 2004, “Património da Humanidade” pela UNESCO.

Fonte: Câmara Municipal da Madalena

Informação

SABER MAIS  

Diretório

Açores, as ilhas de atividades ao ar livre

Trilhos Nos Açores existem dezenas de trilhos certificados, em todas as ilhas e de diferentes tipos. Desde os circulares fáceis de realizar até à desafiadora escalada do Pico, a montanha mais alta de Portugal (2.351m). Existem também os trilhos de elevada dificuldade e as grandes rotas. A mais significativa e completa poderá ser encontrada na ilha de Santa Maria. Canyoning …

Continuar a ler  

Açores, um destino fantástico (e sustentável)

E não se pense que a concorrência era fraca. Os Açores ficaram à frente de muitos destinos turísticos respeitáveis e famosos. Koh Tao na Tailândia, Capri em Itália, Bali na Indonésia, Ibiza em Espanha, Córsega na França e Santorini na Grécia são alguns nomes de peso que ficaram atrás do arquipélago açoriano. O Big 7 Travel não poupa elogios aos Açores. As …

Continuar a ler  

São Jorge, a ilha das fajãs

 Esta ilha com 54 quilómetros de comprimento e 6,9 quilómetros de largura máxima está integrada no Grupo Central e é um dos vértices das chamadas “ilhas do triângulo”, em conjunto com o Faial e o Pico, do qual dista 18,5 km.     Paisagisticamente salta à vista o contraste da cordilheira central que atravessa a ilha em quase todo o comprimento, com a escarpada e …

Continuar a ler  

Açores com certificação de prata da Earthcheck

Segundo Marta Guerreiro, secretária regional da Energia, Ambiente e Turismo, “somos o primeiro e único arquipélago do mundo com esta certificação, somos a única região de Portugal com esta certificação, estamos na linha da frente”. Os Açores obtiveram a exclusiva certificação da GSTC (ainda só aplicada em oito países e 13 regiões a nível mundial) após um processo de auditorias …

Continuar a ler  

Uma perspetiva de Santa Maria

Não é possível falar da ilha de Santa Maria das últimas décadas sem falarmos do aeroporto. Tendo a 2º maior pista dos Açores (a primeira situa-se na base das Lajes, ilha Terceira), Santa Maria teve um papel de grande relevo na II Guerra Mundial. No entanto, com o fim da guerra e com o aumento da autonomia dos aviões, a …

Continuar a ler