Lagoa das Furnas

Cozido das FurnasLagoa das Furnas é uma das grandes atrações turísticas da ilha de São Miguel! A envolvência da lagoa ultrapassa em muito a própria lagoa. Nas suas margens é possível encontrar trilhos de grandes vistas sobre a lagoa, visitar as caldeiras que permitem a confeção do famoso Cozido das Furnas, ou desfrutar da mata-jardim José do Canto.

No meio de abundante vegetação, esculturas e relvados que convidam ao descanso, encontra-se o Centro de Monitorização e Investigação das Furnas. 

 

“Inaugurado a 1 de Julho de 2011, o CMIF assume, desde logo, um papel importante na tradução da linguagem científica para formas de disseminação de conhecimento, capazes de cativar os visitantes para uma melhor compreensão da Natureza, assim como para atividades lúdicas e de recuperação ecológica numa paisagem em constante transformação”.

FurnasNa margem sul da lagoa, encontra-se a capela de Nossa Senhora das Vitórias, inaugurada em 15 de agosto de 1886 e destinada a ser mausoléu de José do Canto. Esta construção faz parte da mata-jardim José do Canto e pode ser visitada mediante marcação prévia.

Toda a zona circundante à lagoa das Furnas engloba um conjunto de áreas exteriores, nomeadamente, zona de merendas e estadia, instalações sanitárias, parque de estacionamento e um amplo espaço verde com vista privilegiada sobre a Lagoa, onde os visitantes podem contemplar a paisagem e desenvolver atividades de lazer.


Os golfinhos voam nos Açores

Este podia ser o começo de uma descrição da imagem deste artigo. Nesta, o fotógrafo convida o observador a imaginar de onde vem o golfinho: trata-se de um salto a partir da água ou estava a voar tranquilamente antes de um voo a pique sobre o Atlântico? Seja o que for que o leitor imagine, a semelhança com uma gaivota …

Continuar a ler  

Andreia Costa: alternativas para dias de mau tempo

Andreia Costa, residente em São Miguel, tem uma ideia muito clara sobre o que descobrir na ilha, para além das paisagens e lagoas deslumbrantes. Segundo a autora de um roteiro alternativo para São Miguel, a ilha encerra sítios muitas vezes desconhecidos que são locais de grande interesse.   As condições climáticas não devem ser um obstáculo, mas sim, uma mais …

Continuar a ler  

O Corvo está de parabéns

Com uma área total de 17,2 Km ² e cerca de 430 habitantes, o Corvo é a mais pequena e a menos populosa ilha do arquipélago dos Açores. Terá sido descoberta com a das Flores em 1452 por Diogo de Teive, aquando do regresso da sua segunda viagem de exploração à Terra Nova. O seu povoamento não foi fácil, tendo …

Continuar a ler  

Da emigração com amor (e humor)

Nos Estados Unidos da América, estima-se que existam 1,5 milhões de emigrantes portugueses de origem açoriana, tendo os naturais do arquipélago ficado concentrados predominantemente em estados como Massachusetts e Rhoad Island, na costa leste, e na Califórnia, na costa do Pacífico, de forma mais intensa na década de 60 do século XX, sendo hoje a emigração residual. Fonte: Açoriano Oriental …

Continuar a ler  

Covid-19 – Solidariedade na ilha Terceira

Inspirado nalgumas iniciativas semelhantes, o proprietário do alojamento local O Refúgio em Angra do Heroísmo, André Brasil, decidiu avançar e colocou ao dispor dos profissionais de saúde um alojamento que tanto necessitam, de forma gratuita. Segundo André Brasil “é com muito prazer que O Refúgio se junta a esta fantástica iniciativa, demonstrando o devido apreço pelos nossos profissionais de saúde …

Continuar a ler  

Vinho Do Pico entre os melhores de Portugal

Foram provados e avaliados mais de mil vinhos, espumantes e aguardentes vínicas. Destes, um total de 68 foram premiados, com maior destaque para a região do Douro, que arrecadou 28 distinções. O prémio “Paixão Pelo Vinho Prestígio”, coube a oito produtores. Entre eles, três vinhos tintos, todos DOC Douro: Costa Boal Homenagem Douro tinto Grande Reserva 2011, da Costa Boal …

Continuar a ler