Mata - Jardim José do Canto

A Mata - Jardim José do Canto situa-se na margem Sul da Lagoa das Furnas, rodeando a ermida de Nossa Senhora das Vitórias e os dois edifícios situados junto à margem da Lagoa: um cottage anglo-flamengo que era designado por " pavilhão de navegação " e é hoje a Casa dos Barcos (turismo rural), e um challet franco-suiço que era designado por "pavilhão da pesca ", hoje, Casa da Lagoa, igualmente convertida para Turismo Rural.


Na atual propriedade o traçado da zona ajardinada, com cerca de 10ha mantém-se conforme o projeto do arquiteto paisagista Barrillet-Deschamps. Na extremidade oeste fica o conhecido “Vale dos Fetos” reconstruído em meados do século XX pelos pais da atual proprietária, Ernesto Hintze Ribeiro e sua mulher Maria Josefa Gabriela Borges de Sousa Jácome Corrêa.



Os arruamentos da Mata Jardim são ladeados por bonitas cameleiras, muitas delas centenárias, que florescem no período que vai de Janeiro a Maio e que constituem uma das melhores coleções de camélias antigas. As Furnas são conhecidas pelas suas camélias, realizando-se todos os anos uma exposição destas flores nos meses de Fevereiro ou Março.

A Mata – Jardim José do Canto disponibiliza ainda aos seus visitantes um conjunto alargado de serviços, convidando-os a uma experiência mais envolvente no jardim e na lagoa das Furnas.

Fonte: Mata Jardim José do Canto


Webinar em Angra do Heroísmo

A conferência terá transmissão em direto na página de facebook do IAC e são convidados o historiador Francisco Maduro-Dias, o presidente da direção da AGITA, Paulo Jorge Bettencourt e a guia intérprete Maria das Mercês Pacheco, para a conversa que será moderada por Andreia Fernandes, da direção do IAC. Segundo os promotores do evento “com este iniciativa pretende-se despertar a consciência …

Continuar a ler  

Lagoa do Fogo em destaque na Europa

Segundo o portal Sapo Viagens, a Lagoa do Fogo foi eleita pela European Best Destination como uma das 18 mais belas paisagens da Europa. Segundo o referido portal, “Por toda a Europa existem paisagens de cortar a respiração. Desde paisagens intocadas a aldeias encantadoras junto ao lago, passando por florestas coloridas e ilhas tranquilas, na Europa existe um pouco de …

Continuar a ler  

Consegue cheirar as imagens?

A foto de cima foi tirada onde se confeciona o famoso cozido das Furnas. A atividade vulcânica é intensa e toda a zona tem um cheiro forte e único. Uma família passeia por um local de difícil acesso. Trata-se da margem da Lagoa do Fogo, onde o cheiro da água doce misturado com a humidade permitem cheirar esta foto sem …

Continuar a ler  

Mãe, sem mãos!

Nos Açores é possível fazer viagens de barco durante todo o ano para ver baleias e golfinhos em São Miguel. E de abril a outubro também fazemos observação de cetáceos na ilha do Pico. Os Açores são considerados um dos melhores destinos para ver baleias e golfinhos por várias razões. Entre elas, a sua localização. Os Açores estão geograficamente bem …

Continuar a ler