Warning: strpos(): Empty needle in /home/destinaz/public_html/wp-content/plugins/wordpress-seo/frontend/class-opengraph.php on line 275

Madalena

Madalena do Pico

A Madalena foi eleita Cidade do Vinho 2017, acolhendo um leque de eventos ao longo do ano, que farão do Município o principal núcleo da vitivinicultura em Portugal.
Efetivamente, o desenvolvimento da Madalena e a produção de vinho percorrem de mãos dadas toda a história do concelho, que desde os seus primórdios viu neste setor o mais precioso ganha-pão de muitas famílias e no verdelho a alavanca económica da ilha e da região.
Chegando às mais abastadas casas reais europeias do século XIX, à mesa do Vaticano ou aos banquetes dos Czares, este vinho licoroso mereceu honras na literatura universal, em obras-primas como a Guerra e Paz, de Tolstoi.

Por cá, da pedra se faz vinho. Numa ilha em que apenas 3,4 por cento do solo é arável, o homem subjugou a natureza, fazendo da lava queimada sustento, sobrevivência, sonho, amontoando a pedra em pirâmides de basalto, os “maroiços” e “currais”, que dão fama e distinção à Paisagem da Cultura da Vinha da Ilha do Pico, aclamada pela Unesco, como Património da Humanidade, considerada uma das mais complexas estruturas criadas pelo Homem.

Nascidos da lava, os vinhos refletem a alma e a paixão dos picarotos, excedendo a mera visão económica.

Nesta que é uma das treze regiões vitícolas no mundo Património da Unesco, a viticultura é a mais pura paixão deste povo, que à força de braços ousou dominar a natureza, num serpenteado lávico em que se esculpe a nossa identidade.